O Tarot e a Astrologia


Existem várias correlações entre os arcanos do tarot e a Astrologia, sendo que muitos baralhos de tarot trazem diversos símbolos astrológicos em suas lâminas. Essas correlações, porém, variam de autor para autor de cada tarot, pois existem diversos ângulos de abordagem de um mesmo contexto de uma carta. Por isso é impossível reduzir cada arcano à influência de um único signo ou planeta, até mesmo porque antigamente eram conhecidos apenas sete planetas ( Urano, Netuno e Plutão foram descobertos em 1781, 1846 e 1930, respectivamente ). Portanto, é comum que um mesmo arcano contenha os símbolos de mais de um signo ou planeta devido à época de sua criação e à visão astrológica de seu criador.


Cada carta é regida por um signo do Zodíaco e por um (ou mais) planeta, que exercerão sempre uma influência ou terão relação direta com o consulente, seja nas energias vividas naquele momento da consulta ou mesmo em suas características de personalidade, mostrada nos símbolos astrológicos contidos em cada lâmina. Os quatro elementos também estão presentes nos arcanos do tarot, sendo que as características da personalidade astrológica de cada elemento tem estreita semelhança com os significados principais de cada naipe. Dessa forma o elemento Fogo corresponde ao naipe de Paus ( energia, vigor, ação); o elemento Terra corresponde ao naipe de Ouros (realidade concreta, sentidos físicos, estabilidade material); o elemento Ar corresponde ao naipe de Espadas ( comunicação, idéias, pensamento) e o elemento Água corresponde ao naipe de Copas (sensibilidade, romantismo, proteção).


Outro fator importante são as 12 casas astrológicas, que indicam as 12 áreas ou setores da vida do consulente que podem ser avaliadas, como por exemplo, casamento, saúde, filhos, trabalho, vida financeira, amizades, estudos, carreira profissional, etc. É através das 12 casas astrológicas que se monta a "mandala astrológica ou zodiacal", método muito eficaz e abrangente de leitura do tarot, que fala em detalhes sobre os diversos setores da vida do consulente, proporcionando orientações e previsões para cada setor. Esse é o método pelo qual podemos ter uma visão geral da vida do consulente.


O simbolismo astrológico nas cartas do tarot é muito importante, pois além de indicar características de personalidade ou influências astrais dentro de uma questão levantada, esse simbolismo também é usado como base para questões relativas à saúde, pois mostram tendências às doenças ou possíveis problemas de saúde já existentes, segundo o signo e planetas presente em cada arcano, além de mostrar possibilidades de cirurgia e recuperação, etc.


Enfim, a Astrologia dá uma grande contribuição ao jogo de tarot, enriquecendo a leitura e expandido o campo de interpretação de forma mais específica e precisa.